Status

um dia de cada vez

crédito imagem Pinterest

O psicólogo me sinalizou para viver um dia por vez, pois, minha pressa em ficar bem – com urgência – pode comprometer meu processo de cura interior. Quero me livrar dessa dor – de coração partido – que consome meus dias. Luto comigo mesma para não chorar ou lamentar pelo que passou. Passou, mas ainda sinto e muito. Domingo é um dos dias que têm me machucado, é quando há uma pausa maior, no tempo, para encarar minhas dores. É domingo e não estou bem, mas o sábado foi um presente do Universo. Assim vou vivendo, um dia de cada vez, me permitindo sentir tudo que existe aqui dentro.

Status

Final de semana

Ainda é estranho não ter você no final de semana. Ansiedade que causava frio na barriga por saber que iria te encontrar. Havia um ritual. Lavar e hidratar os cabelos. Escolher a cor do esmalte e fazer as unhas. Roupa e perfume escolhidos. Tinha pão de queijo. A gente ria assistindo televisão. Segurar na sua mão ao subir as escadas. Tínhamos nosso universo. Cafuné. Ventilador. Confissões. Abraços. Beijos. Se para Clarice Lispector “sábado era a rosa da semana”, para mim a rosa da semana era sábado e domingo. Cochilo depois do almoço. Pipoca e filme. O domingo ia chegando ao fim e a saudade batia na porta para entrar. Se cuida. Boa semana. Deus acompanhe. Não era rotina. O final de semana têm sido estranho por aqui.

Status

Um dia após o outro – Tiago Iorc

Pra começar
Cada coisa em seu lugar
E nada como um dia após o outro
Por que apressar?
Se nao sabe onde chegar
Correr em vão se o caminho é longo
Quem se soltar, da vida vai gostar
E a vida vai gostar de volta em dobro
E se tropeçar
Do chão não vai passar
Quem sete vezes cai, levanta oito
Quem julga saber
E esquece de aprender
Coitado de quem se interessa pouco
E quando chorar
Tristeza pra lavar
Num ombro cai metade do sufoco
O novo virá
Pra re-harmonizar
A terra, o ar, a água e o fogo
E sem se queixar
As peças vão voltar
Pra mesma caixa no final do jogo
Pode esperar
O tempo nos dirá
Que nada como um dia após o outro
O tempo dirá (o tempo dirá)
O tempo é que dirá
E nada como um dia após o outro
Pode esperar
O tempo nos dirá
Que nada como um dia após o outro
O tempo dirá (o tempo dirá)
O tempo é que dirá
E nada como um dia após
E nada como um dia após o outro
E nada como um dia após o outro
e nada como um dia após o outro