guerras

há tantas guerras dentro de uma guerra.

é triste;

dói.

não podem ser chamados de humanos,

os que matam.

crianças, jovens, velhos, mulheres, homens.

vidas viram pó.

o que fica é silêncio.

sem memórias.

Um comentário sobre “guerras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s