Imagem

A rede que acolhe

Quão bom é poder sentar numa rede e ser acolhida. Sentei na rede com todo o peso que trazia nos ombros. Meus cacos. Peso que dói. Joelhos ralados. Pés machucados. Coração partido. Chorei. Respirei. Escrevi. Compartilhei. A rede me acolheu, fez secar algumas lágrimas, me ofereceu conselhos e me arrancou um sorriso tímido. Rede de apoio. Atenção. Carinho. Cuidado. Empatia. Gratidão.

3 comentários sobre “A rede que acolhe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s